Grupo Luminous de Fotografia

02/outubro/2006

Palestras com os diretores da Pulsar Imagens, Delfin Martins e Laura M. Del Mar Lourenço, sobre como funciona um banco de imagens e com o fotógrafo e instrutor de mergulho Christian Sgarbi, que falou sobre a fotografia digital subaquática.

A Pulsar Imagens nasceu em 1991 e desde então vem crescendo e consolidando sua presença no mercado fotográfico e seguindo a sua evolução. Seus fotógrafos sempre trabalharam com os melhores e mais atuais equipamentos fotográficos e em sintonia com as tendências do mercado. Hoje trabalhamos também com originais digitais de última geração.

Temos um acervo fotográfico de mais de um milhão de imagens, armazenadas em condições de temperatura e umidade perfeitas para a manutenção da integridade e qualidade de nossas fotos. Nosso banco de imagens é uma extensa documentação fotográfica de festas populares, paisagens, estradas, indústrias, parques nacionais, artesanato, turismo e diversas outras imagens do Brasil, além de um grande número de fotos do exterior. Todas as imagens são escaneadas e tratadas com equipamentos de ponta, garantindo assim a qualidade dos arquivos para qualquer veículo e em qualquer tamanho.

Contamos com um time de fotógrafos experientes e ganhadores de prêmios como o Nikkon de Fotografia, Esso de Jornalismo e Wladimir Herzog de Direitos Humanos. Muitas de nossas imagens também estão no acervo de grandes instituições como MASP/SP, Instituto Moreira Salles, Itaú Cultural, MAM/RJ e National Museum of Natural History / Smithsonian Institute. Nossas produções também podem ser encontradas em diversos livros e exposiçoes individuais.

Por tudo isso, a Pulsar Imagens tem entre os seus clientes editoras como Ática, Scipione, Moderna, Abril e Saraiva, além de ter imagens publicadas em diversos países, como França, Inglaterra, Alemanha e EUA. Agências como DM9, DPZ, Standard, Leo Burnett e Full Jazz também comprovaram nossa qualidade.

Ao nos procurar, você pode contar com um atendimento especializado e experiente na área de edição fotográfica, para que você receba a imagem que precisa no tempo que precisa. Navegue pelo nosso acervo e contate-nos!

Sobre Delfin Martins

Delfim Martins Lourenço (Barcelos, Portugal 1951). Fotógrafo. Radica-se em São Paulo,
onde se dedica à fotografia documental e jornalística desde o início dos anos 1970. Começa
a colaborar com a revista Visão em 1974, onde é chefe do departamento fotográfico entre
1979 e 1984. Em 1979, é um dos fundadores com Nair Benedicto (1940), Juca Martins
(1949) e Ricardo Malta (1956), da Agência F4 de Fotojornalismo, que se dedica
prioritariamente aos temas de denúncia social. Em 1991, após a dissolução da F4, cria a
Pulsar Imagens com Laura Del Mar Lourenço e Juca Martins, dedicando-se
preferencialmente ao registro da vida e do trabalho nas áreas agrícolas do Brasil. Publica
nos seguintes livros São Paulo Além da Metrópole, 1990; Interiores, 1991; Nossa Gente,
1994; Travessia, Do Sertão ao Agrobusiness [em parceria com Juca Martins], e Presença do
Brasil, 1995.

Seus trabalhos
s.d. - Tem trabalhos publicados em diversas revistas nacionais e estrangeiras
s.d. - Realiza perfis empresariais de Cambuhy Agrícola, Cambuhy Citros, Citrovia, DZ -
Dedini Zanini, Abra - Associação Brasileira do Amianto, Grupo Moreira Salles
1973 - São Paulo SP - Fotógrafo do Centro Áudio-Visual do Instituto Mackenzie
1974 - São Paulo SP - Fotógrafo free-lancer da revista Visão e Revista Bolsa de Valores
1975 - São Paulo SP - Fotógrafo contratado da Visão
1979/1984 - São Paulo SP - Chefe do Departamento Fotográfico da Visão
1979/1991 - São Paulo SP - Abre com Juca Martins, Nair Benedicto e Ricardo Malta a
Agência F4
1981/1982 - Japão - Prêmio Internacional Nikon - 2º lugar
1984 - São Paulo SP - Prêmio Imprensa de Hipismo Rural
1989 - São Paulo SP - Publica no livro Cores do Brasil editado pela Sver e Boccato
1990 - São Paulo SP - Participa no livro São Paulo Além da Metrópole editado
pela Metalivros
1991 - São Paulo SP - Funda a Agência Pulsar Imagens com Laura Delmar Lourenço e Juca
Martins
1991 - São Paulo - Publica no livro Interiores editado pela Metalivros
1994 - São Paulo SP - Publica no livro Nossa Gente editado pela Empresa das Artes
1995 - São Paulo SP - Publica o livro Travessia - Do Sertão ao Agrobusiness, em parceria
com Juca Martins editado pela Grifo
1995 - Rio de Janeiro RJ - Publica no livro Presença do Brasil editado pela Alumbramento

Exposições Coletivas
1992 - São Paulo SP - Imagens da Terra, no MIS/SP
1980 - São Paulo SP - 1º Festival de Jazz de São Paulo, no Palácio das Convenções do
Anhembi
1981 - México - 2º Colóquio Latino-Americano de Fotografia
1982 - Quito (Equador) - Hecho en Latino-America, 1º Encontro Nacional de Fotografia
Contemporânea
1983 - Paris (França) - Brèsil des Brèsiliens, no Centro Georges Pompidou
1983 - São Paulo SP - Fotógrafos Brasileiros na Copa do Mundo de 1982, no Salão Fuji,
itinerante pelas principais capitais brasileiras
Enciclopédia Itaú Cultural de Artes Visuais
1984 - São Paulo SP - Elis, exposição sobre Elis Regina, no Salão Fuji
1985 - São Paulo SP - Direitos Humanos, no Centro Cultural São Paulo
1986 - São Paulo SP - Fotojornalismo dos Anos 80, no MIS/SP
1986 - Rio de Janeiro RJ - Fotojornalismo dos Anos 80, no Centro Empresarial do Rio de
Janeiro
1988 - Milão (Itália) - A Cidade do Mundo e o Futuro da Metrópole, 17ª Trienal de Milão
1990 - São Paulo SP - Imagens de São Paulo, no Masp
1990 - São Paulo SP - Profissão Fotojornalista: O Olhar da F4, inauguração da Casa Fuji de
Fotografia
1990 - São Paulo SP - Fotojornalistas Brasileiros, no MIS/SP
1991 - Havana (Cuba) - Bienal de Havana
1992 - São Paulo SP - Cem Anos de Futebol, na Pinacoteca do Estado

Fonte: Enciclopédia Itaú Cultural de Artes Visuais

Mais sobre Delfin Martins

Radicado no Brasil, iniciou a carreira de fotógrafo em 1973 na cidade de São Paulo. Em 1975 foi contratado pela revista Visão e posteriormente assumiu a direção do departamento fotográfico da revista (1979-1984). Fundou com seu irmão Juca Martins, Nair Benedicto e Ricardo Malta a Agência F4 (1979), especializada em fotojornalismo e documentação de temas sociais. A partir de 1984 passou a trabalhar para publicações e perfis institucionais de empresas. Em 1991, após a dissolução da F4, fundou com Laura Del Mar e Juca Martins a Pulsar Imagens. A partir de 1986 dedicou-se principalmente a documentação da agricultura do estado de São Paulo e de outras regiões do Brasil, trabalhando na área editorial e para empresas do setor.

Mostras individuais

1992 - Imagens da Terra, Museu da Imagem e do Som, São Paulo

Exposições coletivas

1981 – 2o. Colóquio Latino Americano de Fotografia, México

1982 – Hecho en Latino-America, 1º. Encontro Nacional de Fotografia Contemporânea, Quito, Equador

1983 – Brésil des brésiliens, Centre Georges Pompidou, Paris, França

1983 – Fotógrafos brasileiros na Copa do Mundo de 1982, Salão Fuji, São Paulo

1985 – Direitos Humanos, Centro Cultural São Paulo

1985 – Fotojornalismo dos anos 80, Museu da Imagem e do Som, São Paulo

1988 – A cidade do Mundo e o Futuro da Metrópole, 17a. Trienal de Milão, Itália

1990 – Imagens de São Paulo, Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand

1990 – Profissão: fotojornalista. O olhar da F4, Casa da Fotografia Fuji, São Paulo

1990 – Fotojornalistas Brasileiros, Museu da Imagem e do Som, São Paulo

1991 – Bienal de la Habana, Cuba

1994 - Cem anos de Futebol, Pinacoteca do Estado, São Paulo

Fonte: Coleção Pirelli/MASP de Fotografia

Christian Sgarbi - Médico, da cidade de Niteroi-RJ e fundador da CEDSU (Comissão de Evento Digital Submerso) em 2005, a primeira entidade do Brasil voltada para eventos de fotogrfia subaquática digital.
Iniciou cursos em mergulho em 2000 com Arduino Colassanti, posteriormente credencidado pela CMAS em divemaster, nitrox e fotografia subaquática até 2003. Participou de eventos da Federação Brasileira ficando entre os dez melhores, e desenvolveu em 2004 a primeira revista digital do Brasil especializada em fotografia submarina, a VirtualFotoSub.