Reabertura - Foto Cine Clube Bandeirante

Foto Cine Clube Bandeirante reabre com Projeto Cultural organizado por Iatã Cannabrava/Estúdio Madalena

Todos os boletins ficarão disponíveis em plataforma online. No local, um vídeo sobre o processo de recuperação de todo acervo será exibido e informativos ampliados ocuparão as paredes

Iatã Cannabrava e a equipe do Estúdio Madalena, em conjunto com a diretoria do Foto Cine Clube Bandeirante (FCCB), representada pelo diretor José Luiz Pedro, reabrem dia 28 de março o FCCB, fechado para reforma desde maio de 2016. O projeto, que conta com o apoio do Itaú e a Lei Rouanet, pretende dar novos ares ao espaço localizado no Baixo Augusta, com recuperação do acervo – iniciando pelos boletins informativos, do número 1, publicado em 1946, ao 194, de dezembro de 1974 – e programação diversa.

Realizado em etapas, desde dezembro de 2015, com a higienização do acervo, atualização da sede social e a digitalização dos boletins, o projeto é uma continuação do processo iniciado em dezembro de 2014 com o comodato feito com o Masp, em que 275 fotografias foram restauradas, gerando a exposição Foto Cine Clube Bandeirante - Do arquivo a Rede (nov2015 a mar/2016) e que originou o catálogo Masp-FCCB.

Fundado em 1939, o Foto Cine Clube Bandeirante reuniu os principais nomes da fotografia e a ideia é reunir todo esse material para consulta aberta ao público no local. “Conseguimos digitalizar os informativos que circularam nas últimas oito décadas. É um material preciosíssimo que vem do berço da construção de uma nova fotografia”, conta Iatã Cannabrava. “Um projeto como esse é um presente para quem quer entender da história e encontrar caminhos para um futuro, a partir de discussões e conhecimento”, completa.

Para a abertura, foram ampliadas publicações de vários os anos do FCCB e de diversos clubes e salões do Brasil e do exterior, em países como Índia, Bélgica, Dinamarca, Canadá, Estados Unidos, Cuba. Algumas delas estarão coladas nas paredes do espaço para visitação agendada e pesquisa. Paulatinamente, o espaço será ocupado nos próximos anos com exposições, convidados para debates e uma biblioteca para consulta permanente no segundo andar. “É um projeto a longo prazo que contará ainda com a catalogação da biblioteca, que tem obras desde o século 19, revistas nacionais e internacionais e fotografias”, diz José Luiz Pedro.

Moderna para Sempre

Nos últimos anos, Iatã Cannabrava esteve à frente da exposição itinerante Moderna para Sempre, que levou uma série de obras da coleção de mais de 12 mil itens do Itaú Cultural para cidades brasileiras e do exterior, como Lima, no Peru, Cidade do México, no México, e Assunção, no Paraguai. São obras que remetem ao movimento modernista das décadas de 1940 a 1970, de nomes como José Yalenti, José Oiticica Filho, Geraldo de Barros, Marcel Giró, Thomaz Farkas, German Lorca, Ademar Manarini e Paulo Pires. “O mérito da nossa produção modernista é o caráter questionador, mais do que explicações e leituras de fácil assimilação. Ela traz à tona uma discussão mais ampla sobre a essência do fazer fotográfico, que rompe com par adigmas e atravessa décadas nas rupturas por ele criadas”, diz Iatã Cannabrava.

Reabertura do Foto Cine Clube Bandeirante 75 e 76 anos

Rua Augusta 1.108 – Consolação – São Paulo/SP

Abertura

Dia 28 de março, quarta-feira, às 19h30

Visitação

Agendar pelo email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Entrada gratuita

-------

Informações para a Imprensa:

Juliana Gola | 11. 99595-2341 |  O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Copyright